Lições da Floresta com Dona Francisca - Por Silvia Rocha

As lições dela vêm lá do Acre. Bem no meio da Floresta Amazônica. À beira do Rio Juruá. Esta simpática índia chama-se Francisca das Chagas Siqueira e é da tribo Shawua nawa, do povo Arara. Tem 48 anos, é casada, tem 11 filhos e mais de mil partos em sua trajetória profissional. Dona Francisca tem muitas histórias para contar e mais ainda para ensinar.

A Floresta tem muito a nos dar

Dona Francisca fica com os olhos brilhando quando fala da Floresta. Ela diz que, além de nos dar o alimento e o sustento, a Floresta nos dá a saúde. “Meu pai era pajé, desses muito sabidos, e minha mãe era parteira. Ele não deixava ninguém cortar árvores. Ele dizia que a árvore sofria igual a gente. Que a gente deveria conversar com ela, pedir licença, pedir desculpas... Meu pai dizia sempre que a natureza sente, igualzinho a gente...”, relata Dona Francisca.

Mais de mil partos

Ela fez o primeiro parto aos 15 anos. E não parou mais. Dona Francisca gosta de fazer o acompanhamento inteirinho: o antes, o durante e o depois: “Gosto de conversar com a mãe e com o nenê. De dar carinho... converso com o nenê, com a mãe, para nem ele e nem a mamãe dele sofrerem no parto. Se estiver sentado, eu ajeito. Eu viro o nenê e ele nasce por parto normal. Enquanto estou fazendo o parto, sinto que eu é que entrei em trabalho de parto. Se eu pudesse, ajudava todo mundo a ter parto normal.”

A conexão com a floresta

Dona Francisca olha para o jardim onde está conversando comigo. Gosta quando peço para ela dar um recado aos leitores: “Eu queria desejar que vocês da cidade fiquem conectados com esta “pouca floresta” que vocês têm aqui. Se vocês estiverem conectados com a Natureza, com a Floresta, vão ficar conectados com Deus.”

Atendimentos cá e lá

Hoje, Dona Francisca passa seis meses no Acre e seis meses aqui na Granja. Trabalha com ervas, tinturas, florais. Quem quiser entrar em com essa mulher que carrega a sabedoria da Floresta, é só entrar em contato com Regina Bittencourt, que a hospeda e faz os agendamentos: 11 7656-9976.


Fotos: Ligia Vargas

Sílvia Rocha é jornalista e mestre em Comunicação Social pela ECA-USP. É poeta haikaísta*, pedagoga e tradutora e mora na Granja há 15 anos. É co-fundadora do Studio Vero, studio de design sustentável que fabrica presentes, mobiliário e displays na Granja Viana. Está prestes a publicar seu livro de poesias Caminho de haikais e, atualmente, trabalha no título O Caminho de São Francisco de Assis e outros caminhos.

* haikai: micropoema de 3 versos, de origem japonesa, inspirado na natureza.

e-mail: silvia@granjaviana.com.br

http://www.granjaviana.com.br/coluna.asp?col=876&coluna=876&...

Exibições: 127

Comentar

Você precisa ser um membro de Transition Towns Brasil para adicionar comentários!

Entrar em Transition Towns Brasil

Comentário de Mãos Verdes: Daniel Mas em 9 novembro 2009 às 19:34
Adorei a Vitalidade e a conexão na natureza, nossa natureza interior de Dona Francisca. Esta foto foi feita no 18 Encontro Nacional de Gestação e Parto Natural Conscientes, no Rio de Janeiro. Dona Francisca compartilhou os seus ensinamentos sobre parto, de coração e de uma forma simples. Um amor, e vida de mulher.
Abraço de Daniel

Treinadores Oficiais da Rede Brasileira das Cidades em Transição

Claudia Valadares Arakaki

Conheça Nossos treinadores oficiais

Fórum

DIREITO ECONÔMICO - ARTIGO

Iniciado por vanessa campana 15 Mar, 2019. 0 Respostas

Boa tarde!Estou realizando meu TCC com base na análise econômica da proposta do TTT. Estou com muita dificuldade em encontrar material em português sobre o assunto e muitas revistas científicas de…Continuar

ONG AMBIENTAL - Projeto de Formalização e Estruturação de uma ong Ambiental, Projeto SEE-MEAR

Iniciado por Maria Valentina Sena e Silva. Última resposta de Cledir Mendes Soares 13 Ago, 2018. 2 Respostas

Há boas possibilidades em São Vicente, para implantação de nossos projetos autosustentáveis. Alguém que gostaria de colaborar para que isso venha a ser uma realidade?! Estamos com colaboração em São…Continuar

Notícias de um Mutirão em Cabo Frio

Iniciado por Christianne Rothier Duarte 6 Jul, 2017. 0 Respostas

Olá, boa noite a todos!Acabei de chegar por aqui e gostaria de compartilhar uma experiência de mutirão entre moradores, visitantes e parceiros para cuidar de um largo no meu bairro que havia se…Continuar

Tags: Movimento, Social, Sustentabilidade, Frio, Cabo

Atividades no Rio de Janeiro ?

Iniciado por Valéria Burke. Última resposta de Isabela Maria Gomez de Menezes 15 Jun, 2017. 8 Respostas

Olá a todos, numa busca rápida aqui vi vários membros do Rio de Janeiro. Gostaria muito de saber se atualmente alguém(ns) está empreendendo alguma atividade Transition - principalmente na cidade - do…Continuar

© 2020   Criado por MarCelo Todescan.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço