Isso é de suma importância não só para região, mas para todo o estado de São Paulo! Leia, entenda e assine a petiçao!

Isso é de suma importância não só para região, mas para todo o estado de São Paulo! Leia, entenda e assine a petiçao! Garantir o cinturão verde de São Paulo é garantir a vida e saúde dos paulistas!

O Movimento Grande Oeste Verde, que reúne entidades ambientalistas da região, criou uma petição, na rede mundial Avaaz, pedindo a criação do Corredor Ecológico Japi-Morro Grande. 



De acordo com o Movimento, o Corredor Ecológico conecta duas áreas de especial interesse para a biodiversidade, contextualizadas em uma paisagem extremamente fragmentada. “Os corredores ecológicos representam uma das estratégias mais promissoras para a efetiva conservação da biodiver-sidade”. 

Os estudos em relação à necessidade da criação do Corredor Ecológico Japi-Morro Grande foram feitos pela professora Rozely Santos, autora do livro Planejamento Ambiental – teoria e prática, e a pesquisadora Ana Carolina Linardi, ambas profissionais da UNICAMP. Esse estudo foi realizado a pedido do Grande Oeste Verde.

A Serra do Japi é uma pequena cadeia montanhosa que fica entre as cidades de Jundiaí, Cabreúva, Pirapora do Bom Jesus e Cajamar. Desde 1983 essa região é tombada pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (CONDEPHAAT). A região conta ainda com diversos atos legais como a Reserva Biológica Municipal da Serra do Japi, a APA Cajamar, APA Cabreúva e a APA Jundiaí. 



A Reserva Florestal de Morro Grande está localizada em Cotia. Possui 10.870 hectares, que corresponde a 1/3 do território da cidade. A área foi desapropriada e declarada como Reserva Florestal em 1979. A Reserva tem predominância de Mata Atlântica, mas com presença de

florestas ombrófilas densas e mistas, estacionais e até cerrado. Além disso, a Reserva abriga dois sistemas produtores de água, o Alto Cotia  e o Baixo Cotia.  

O Grande Oeste Verde explica que o corredor ecológico proporciona uma série de benefícios ao meio ambiente, como a recuperação de habitat para espécies ameaçadas, preservação dos recursos hídricos e regulação do microclima.

Para o Oeste Verde, é preciso que a população entenda que Corredor Ecológico não é um tapete contínuo, verde, e sim, diferentes formas de ligação entre os remanescentes, de forma a favorecer o fluxo genético que propor-cionará a melhoria da qualidade de vida do homem. “Temos o anseio de viver em um meio ambiente equilibrado, mas será preciso mos-trar, aos nossos governantes  esse anseio. O abaixo-assinado vai mostrar a nossa vontade”.


Assine a petição : http://www.avaaz.org/po/petition/Criacao_de_Corredor_Ecologico_entr...

A meta para a petição pública é chegar a 100 mil assinaturas. Após atingir esse montante, a petição será enviada ao governador Geraldo Alckmin e aos prefeitos dos 18 municípios que possuem áreas que farão parte do corredor ecológico. São eles: Cotia, Embu das Artes, Vargem Grande Paulista, Carapicuíba, Itapevi, Santana de Parnaíba, Pirapora do Bom Jesus, Jundiaí, Jandira, Araçariguama, São Lourenço da Serra, Ibiúna, Cabreúva, Barueri, Itapecerica da Serra, Cajamar, São Roque e Itupeva.

rdo com o Movimento, o Corredor Ecológico conecta duas áreas de especial interesse para a biodiversidade, contextualizadas em uma paisagem extremamente fragmentada. “Os corredo-res ecológicos representam uma das estratégias mais promissoras para a efetiva conservação da biodiver-sidade”.

Os estudos em relação à necessidade da criação do Corredor Ecológico Japi-Morro Grande foram feitos pela professora Rozely Santos, autora do livro Planejamento Ambiental – teoria e prática, e a pesquisadora Ana Carolina Linardi, ambas profissionais da UNICAMP. Esse estudo foi realizado a pedido do Grande Oeste Verde.

A Serra do Japi é uma pequena cadeia montanhosa que fica entre as cidades de Jundiaí, Cabreúva, Pirapora do Bom Jesus e Cajamar. Desde 1983 essa região é tombada pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (CONDEPHAAT). A região conta ainda com diversos atos legais como a Reserva Biológica Municipal da Serra do Japi, a APA Cajamar, APA Cabreúva e a APA Jundiaí.

A Reserva Florestal de Morro Grande está localizada em Cotia. Possui 10.870 hectares, que corresponde a 1/3 do território da cidade. A área foi desapropriada e declarada como Reserva Florestal em 1979. A Reserva tem predominância de Mata Atlântica, mas com presença de

florestas ombrófilas densas e mistas, estacionais e até cerrado. Além disso, a Reserva abriga dois sistemas produtores de água, o Alto Cotia e o Baixo Cotia.

O Grande Oeste Verde explica que o corredor ecológico proporciona uma série de benefícios ao meio ambiente, como a recuperação de habitat para espécies ameaçadas, preservação dos recursos hídricos e regulação do microclima.

Para o Oeste Verde, é preciso que a população entenda que Corredor Ecológico não é um tapete contínuo, verde, e sim, diferentes formas de ligação entre os remanescentes, de forma a favorecer o fluxo genético que propor-cionará a melhoria da qualidade de vida do homem. “Temos o anseio de viver em um meio ambiente equilibrado, mas será preciso mos-trar, aos nossos governantes esse anseio. O abaixo-assinado vai mostrar a nossa vontade”.


Assine a petição : http://www.avaaz.org/po/petition/Criacao_de_Corredor_Ecologico_entr...

A meta para a petição pública é chegar a 100 mil assinaturas. Após atingir esse montante, a petição será enviada ao governador Geraldo Alckmin e aos prefeitos dos 18 municípios que possuem áreas que farão parte do corredor ecológico. São eles: Cotia, Embu das Artes, Vargem Grande Paulista, Carapicuíba, Itapevi, Santana de Parnaíba, Pirapora do Bom Jesus, Jundiaí, Jandira, Araçariguama, São Lourenço da Serra, Ibiúna, Cabreúva, Barueri, Itapecerica da Serra, Cajamar, São Roque e Itupeva.

 

Exibições: 832

Comentar

Você precisa ser um membro de Transition Towns Brasil para adicionar comentários!

Entrar em Transition Towns Brasil

Treinadores Oficiais da Rede Brasileira das Cidades em Transição



Conheça Nossos treinadores oficiais

Fórum

DIREITO ECONÔMICO - ARTIGO

Iniciado por vanessa campana 15 Mar, 2019. 0 Respostas

Boa tarde!Estou realizando meu TCC com base na análise econômica da proposta do TTT. Estou com muita dificuldade em encontrar material em português sobre o assunto e muitas revistas científicas de…Continuar

ONG AMBIENTAL - Projeto de Formalização e Estruturação de uma ong Ambiental, Projeto SEE-MEAR

Iniciado por Maria Valentina Sena e Silva. Última resposta de Cledir Mendes Soares 13 Ago, 2018. 2 Respostas

Há boas possibilidades em São Vicente, para implantação de nossos projetos autosustentáveis. Alguém que gostaria de colaborar para que isso venha a ser uma realidade?! Estamos com colaboração em São…Continuar

Notícias de um Mutirão em Cabo Frio

Iniciado por Christianne Rothier Duarte 6 Jul, 2017. 0 Respostas

Olá, boa noite a todos!Acabei de chegar por aqui e gostaria de compartilhar uma experiência de mutirão entre moradores, visitantes e parceiros para cuidar de um largo no meu bairro que havia se…Continuar

Tags: Movimento, Social, Sustentabilidade, Frio, Cabo

Atividades no Rio de Janeiro ?

Iniciado por Valéria Burke. Última resposta de Isabela Maria Gomez de Menezes 15 Jun, 2017. 8 Respostas

Olá a todos, numa busca rápida aqui vi vários membros do Rio de Janeiro. Gostaria muito de saber se atualmente alguém(ns) está empreendendo alguma atividade Transition - principalmente na cidade - do…Continuar

© 2020   Criado por MarCelo Todescan.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço